A medalha da Rayssa em Tóquio e o apoio ao esporte maranhense

2:21:00 PM

 



A conquista da medalha de prata no skate pela maranhense de Imperatriz, Rayssa Leal repercute no mundo inteiro.

A conquista da “Fadinha” toma conta do noticiário nacional e está entre os assuntos mais comentados nas redes sociais.

Tenho acompanhado a manifestação e o entusiamos de muitos políticos maranhenses pela conquista da menina Raysa de 13 anos. Ela é a mais jovem brasileira a conquistar uma medalha olímpica. Mas a sua carreira, assim como muitos atletas teve maior parte do tempo apoio apenas dos pais.

Mas é necessário ir muito além disso… É claro que precisamos reconhecer que através do mecanismo da Lei de Incentivo ao Esporte, o Governo do Maranhão tem dado contribuição importante, mas temos que avançar mais até porque não é responsabilidade única deste ou daquele, mas de todos.

Que as palavras e os elogios sejam transformados verdadeiramente em apoio ao esporte no Maranhão. Que os políticos e a iniciativa privada não entendam essa postagem apenas como uma cobrança, mas sobretudo como caminho para muitos jovens em nosso estado.

Que a conquista da Rayssa Leal sirva como motivação para novos atletas, mas sobretudo que todos que podem influenciar positivamente possam enxergar o esporte definitivamente como ferramenta de inclusão social e que utilizem os seus mandatos e cargos em prol do esporte.

Rayssa Leal merece e o esporte maranhense precisa de muito mais apoio e, sobretudo investimento do poder público para que conquistas como essas possam se tornar mais comuns.

Foto: Patrick Smith/Getty Images

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM

0 comentários

ATENÇÃO!
Todos os comentários abaixo são de inteira RESPONSABILIDADE EXCLUSIVA de seus Autores(LEITORES/VISITANTES). E não representam à opinião do Autor deste Blog.