Dino diz que Brandão tem alta chance de ser seu candidato

10:15:00 PM

 

O governador Flávio Dino (PCdoB) deixou clara a sua preferência pelo nome do vice-governador Carlos Brandão como candidado do seu grupo político na sucessão no Palácio dos Leões.

Em entrevista ao Blog Poder 360′, Flávio Dino praticamente cravou o nome de Carlos Brandão e disse que o seu vice deve assumir o governo do Maranhão em abril do próximo ano por conta da disputa eleitoral. Veja a entrevista aqui.

“Tem uma alta chance, uma vez que ele é uma pessoa com a qual tenho relação política e pessoal muito antiga. Está conosco há 6 anos. Provavelmente me desincompatilizo em abril do ano que vem e ele assume o governo. Temos outros nomes no grupo, como o senador Weverton (PDT), que também postula. Entre julho e agosto farei conversa com os 14, 15 partidos que acho que ficarão conosco”, explicou.

Flávio Dino lembrou que em 2014 teve o apoio de Carlos Brandão e dos Tucanos e que agora é hora de reconhecimento.

“Sem dúvida o Brandão é um ótimo nome e o fato de ele estar no PSDB fortalece o pleito dele. Eles me apoiaram em 2014, tenho um reconhecimento”, finalizou Flávio Dino.

Foto: Divulgação

Braide anuncia vacinação de idosos de 64 e 63 anos

8:11:00 PM



O prefeito Eduardo Braide (Podemos), anunciou, nas redes sociais, o calendário de vacinaçãocontra a Covid-19, de idosos com idade entre 64 e 63 anos, a partir da próxima segunda-feira (12).

“Notícia boa, a gente compartilha! Chegou a vez de quem tem 64 e 63 anos receber suas doses de esperança. O calendário de vacinação começa na segunda (12) e vai até quinta-feira (13), de acordo com seu mês de nascimento”, afirmou Braide.

Para receber a vacina, basta estar cadastrado na plataforma Vacina São Luís e levar o documento original com foto e o comprovante de residência.

Veja o calendário

Segunda (12) – Idosos de 64 anos. Pela manhã os nascidos em janeiro, fevereiro e março, enquanto que na parte da tarde os nascido em abril, maio e junho.

Terça (13) – Idosos de 64 anos. Pela manhã os nascidos em julho, agosto e setembro, enquanto que na parte da tarde os nascidos em outubro, novembro e dezembro.

Quarta (14) – Idosos de 63 anos. Pela manhã os nascidos em janeiro, fevereiro e março, enquanto que na parte da tarde os nascido em abril, maio e junho.

Quinta (15) – Idosos de 63 anos. Pela manhã os nascidos em julho, agosto e setembro, enquanto que na parte da tarde os nascidos em outubro, novembro e dezembro.

Confira os valores do FPM para os munícios maranhenses referente ao decêndio de abril

8:06:00 PM


Foto: Brasil 61Novos valores do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) serão creditados nesta sexta-feira (9). Assim como no decêndio anterior, a previsão é de que haja um aumento substancial dos recursos. A projeção é de um salto de R$ 1,4 bilhão, de um período para o outro. O total a ser repassado no primeiro decêndio deste mês é de R$ 3,7 bilhões.

De acordo com o consultor da Confederação Nacional de Municípios (CNM), Eduardo Stranz, as destinações das quantias aos municípios são feitas de maneiras distintas, levando em conta a quantidade populacional, renda per capta e percentual de participação dos estados.

“Os municípios recebem o FPM diferente porque cada um tem um coeficiente e cada estado tem uma participação no valor geral. Um município pequeno do Piauí, que tem a mesma população de um município de São Paulo vai receber valores diferentes por conta do coeficiente distinto”, explica o especialista.

Stranz destaca, ainda, que as diferenças de valores variam dentro dos meses, seguindo um padrão que leva em conta as características de cada decêndio. “Geralmente, o primeiro decêndio é muito forte, porque ele pega o final do mês, o segundo decêndio, que entra no dia 20, pega os primeiros dias do mês, então ele é menor. E, o terceiro decêndio é um pouco maior que o segundo, mas menor que o primeiro. A lógica é sempre essa”, pontua.

O FPM é a forma como a União repassa verbas para os municípios brasileiros, cujo percentual, além de outros fatores, é estabelecido principalmente pela proporção do número de habitantes estimado anualmente pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Confira quanto seu município vai receber

A divisão dos municípios é feita em três categorias: capitais, interior e reserva. As capitais dos estados e Brasília recebem 10% do FNP. Os municípios do interior representam 86,4% do fundo. Os municípios de reserva, por sua vez, são os com população superior a 142.633 habitantes e recebem – além da participação como município de interior – uma cota adicional de 3,6% do fundo.

O ente da Federação que contém débitos com a União, como dívidas com o INSS, inscrição na dívida ativa pela Procuradoria Geral da Fazenda Nacional (PGFN), por exemplo, não receberá o repasse até que consiga quitar as pendências.

Para o desbloqueio, neste caso, o município deve, inicialmente, identificar o órgão que determinou o bloqueio (Receita Federal, PGFN, sentença judicial). O próximo passo é procurar a instituição responsável pela retenção, conhecer a causa e regularizar a situação.

Fonte: Brasil 61

Eduardo Braide acompanha início de funcionamento do Centro Municipal de Vacinação montado na UFMA

7:48:00 PM

 

O prefeito Eduardo Braide acompanhou, na manhã desta quinta-feira (8), o início do atendimento no Centro Municipal de Vacinação montado no Centro de Convenções da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), onde também já funciona um drive-thru de imunização contra a doença. O novo espaço tem capacidade para receber até 2.500 pessoas por dia e é o quarto ponto disponibilizado pela Prefeitura de São Luís, para que a população possa se vacinar ficando protegida contra o coronavírus.

“A partir de hoje São Luís conta com um novo centro de vacinação contra a Covid-19, contando com toda a estrutura para que todos que venham até aqui se vacinem com brevidade, comodidade e segurança. Esta é mais uma opção, sobretudo para os moradores da região Itaqui-Bacanga e bairros próximos. Com isso, seguimos ampliando o número de espaços do tipo para que toda a população possa ser vacinada à medida que novas doses da vacina sejam disponibilizadas pelo Ministério da Saúde”, disse o prefeito.

O novo espaço tem área de triagem com 10 pontos de atendimento para evitar longo tempo de espera e 10 stands de vacinação. O local foi sinalizado para que o cidadão possa se orientar com facilidade, tem monitores para organizar o atendimento e tirar dúvidas da população, tótens com álcool em gel para que todos possam higienizar as mãos, área pós-vacina e acessibilidade.

Ansioso, o motorista Osvaldo Sousa, 66 anos, morador do Residencial Bacelar, foi o primeiro a chegar ao local para se vacinar. “Eu queria muito me prevenir contra essa doença, então, cheguei aqui bem cedo para poder me vacinar logo. Agora eu estou tranquilo. Quando for para tomar a segunda dose, vou chegar aqui cedo de novo”, comentou.

O aposentado Faustino dos Anjos Sousa, 66 anos, morador da Vila Embratel, também já garantiu a primeira dose da vacina. “Eu estava com muito medo dessa doença, mas estava com muita fé em Deus que iria conseguir me vacinar. Tomei a primeira dose hoje e me sinto mais seguro”, disse.

O secretário municipal de Saúde, Joel Nunes, que também acompanhou o início do funcionamento do novo ponto de vacinação, afirmou que São Luís está preparada para começar a vacinar cada vez mais pessoas diariamente. “Com a abertura de mais este ponto de vacinação, São Luís conta hoje com uma estrutura que permite vacinar mais de 6 mil pessoas por dia. Para isso, precisamos de mais doses de vacina, é claro, mas com o envio cada vez mais regular e numeroso de lotes temos ampliado nossos locais de vacinação para garantir o atendimento da nossa população no menor tempo possível”, explicou.

Além do novo Centro Municipal de Vacinação montado na UFMA, já funcionam na cidade, o Centro Municipal de Vacinação montado no Pavilhão de Eventos do Multicenter Sebrae, no Cohafuma; e dois pontos de drive-thru: um no Espaço Reserva, ao lado do Shopping da Ilha, no Maranhão Novo; e outro no próprio campus da UFMA.

Nesta quinta-feira (8) e na sexta-feira (9) estão sendo vacinados os idosos de 66 anos. No sábado (10) e domingo (11) serão vacinados os idosos de 65 anos. A vacinação obedece aos meses de nascimento do idoso, por isso, é importante verificar o calendário de vacinação nos canais de informação da Prefeitura por meio das redes sociais.

Todos os quatro pontos de vacinação funcionam das 8h às 18h. Exclusivamente, o novo ponto montado no Centro de Convenções da UFMA também funcionará no domingo (11). Para se vacinar os idosos devem levar documento oficial com foto e comprovante de residência.

Fotos: Prefeitura SLZ

Educação em Direitos: Seduc e DPE fortalecem parceria para formação cidadã

6:08:00 PM



Com a finalidade de realizar atividades conjugadas na área da educação em direitos humanos e cidadania, a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) e a Defensoria Pública do Maranhão (DPE) firmaram, nesta quinta-feira (8), termo de cooperação para ações com foco na formação dos professores e conscientização dos estudantes para exercício da cidadania. A parceria também levará a temática para a TV Educação, canal aberto adquirido pelo Governo do Estado com conteúdo educativo para estudantes maranhenses.

O secretário Felipe Camarão destacou a importância da parceria, que considera fundamental para enriquecer a formação dos estudantes. “Mais uma parceria importante com a Defensoria Pública do Maranhão. Estamos ajudando a implementar um direito fundamental que é educar as pessoas em direitos e cidadania. A primeira ação concreta foi firmada hoje, garantindo a participação da DPE na programação da TV Educação, com um espaço para falar sobre Educação em Direitos, tema significativo por ser recorrente na redação do Enem, e também por contribuir com a formação cidadã dos nossos jovens”, enfatizou.

“Estamos muito satisfeitos e entusiasmados com mais essa parceria com a educação. Assim, seguimos cumprindo nossa missão de empoderar os cidadãos, a partir da educação em direitos, em especial, os direitos humanos. Essa cooperação mútua irá favorecer, inicialmente, os educadores, que atuarão como multiplicadores desse conhecimento. Estamos felizes com mais esse passo na garantia de direitos, de dignidade e de cidadania para a população maranhense”, ressaltou o Defensor Geral, Alberto Pessoa Bastos, após a assinatura do termo.

Também participaram do ato, que aconteceu na sede da Secretaria de Educação seguindo protocolos sanitários, o Subsecretário da Educação, Danilo Moreira, e a defensora pública Cristiane Marques, diretora da Escola Superior da DPE/MA.

Integram o termo de cooperação a produção do material, palestras articuladas com as aulas e formação para professores, coordenadores, gestores e alunos, ações do projeto “Educação em Direitos Humanos e Cidadania”, que é constituído por aulas pertinentes à temática, ministradas por Defensores Públicos Estaduais, inicialmente para os professores da rede de ensino estadual, podendo ser estendido para os alunos do Ensino Médio como disciplina eletiva. O projeto está previsto para início no mês de maio.

Conforme o termo, as aulas serão ministradas por meio de videoconferência, em decorrência da pandemia da Covid-19. Também prevê que, após pandemia, podem ser concentradas em uma escola na capital, a ser escolhida pela Seduc, para onde deverão dirigir-se os professores da rede estadual. A mesma sistemática será utilizada nas escolas estaduais dos municípios do interior do Maranhão onde exista Núcleo da Defensoria Pública.

Duarte aciona planos de saúde para que ajudem na pandemia

8:04:00 PM



O deputado estadual Duarte, na condição de diretor de fiscalização do Instituto Brasileiro de Estudo e Defesa das Relações de Consumo (Ibedec), ingressou com uma ação civil pública para garantir que planos de saúde ofereçam mais leitos de UTI e hospitais de campanha para o enfrentamento da Covid-19.

O objetivo é exigir que essas implementações sejam construídas com esforço comum, entre iniciativas públicas e privadas, para atender a Região Metropolitana de São Luís, como a Universidade Ceuma e o Grupo Mateus estão fazendo em parceria com o governo do Maranhão. 

“Não basta simplesmente encaminhar as pessoas que pagam caro por um plano de saúde para o SUS, que já está sobrecarregado, porque também atende essas pessoas que pagam plano, alegando não ter leitos disponíveis em suas redes credenciadas. Não é admissível que a prestação de serviço seja prejudicada em razão da falta de medidas necessárias para realizar um atendimento eficiente aos consumidores, tendo em vista direitos e urgências diante do agravo da pandemia”, afirmou Duarte.

O diretor da Ibedec considerou demandas judiciais semelhantes, como no Pará, Ceará, Alagoas, quando a Justiça propôs às operadoras de planos a instalação de leitos de UTI e hospital de campanha.

“É algo que já aconteceu no Ceará e em outros estados, não há razão para que no Maranhão seja diferente, os planos precisam cumprir com a correta prestação de serviços”, disse.

Segundo observa um trecho do documento, atualmente todas as UTIs da Região Metropolitana de São Luís estão em hospitais públicos. 

“Os planos de saúde demandados na presente ação civil pública não possuem um leito próprio sequer de unidade de terapia intensiva em suas instalações. Contam diretamente com o suporte do SUS para dar apoio às suas atividades bem remuneradas, caso haja necessidade de aparato técnico especializado”, diz a ação.

Duarte teve como base a Resolução Normativa nº 453, de março de 2020, da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), que regulamenta a cobertura obrigatória e a utilização de testes diagnósticos para infecção pelo coronavírus e o oferecimento das condições técnicas e  operacionais para dar continuidade ao tratamento de casos que evoluam para a necessidade de suporte técnico de unidade de terapia intensiva.

A fundamentação da ACP também buscou amparo na Lei 13.979/20, que trata do direito à vida, assegurado no art. 5°, caput, da Constituição Federal, aos brasileiros e estrangeiros residentes no país, a qual está ligada ao direito à saúde, resguardado no art. 6°, bem como no art. 196 da Carta.

Indenização – Em caso de essas empresas serem condenadas a pagamento indenizatório por danos morais coletivos causados aos cidadãos, considerando a confiança depositada no serviço contratado, o valor será de 3 milhões de reais, corrigido monetariamente a partir da data da constatação da ilegalidade. 

Projeto de Lei 128/21 – O deputado Duarte já havia obtido aprovação na Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão (Alema), do Projeto de Lei, do qual é autor, para que hospitais e clínicas informem ampla e objetivamente a quantidade de leitos disponíveis para tratamento de Covid-19 ao PROCON e à Secretaria de Estado da Saúde (SES), com intuito de possibilitar monitoramento para garantir transparência na relação de consumo e também cobrar medidas mais efetivas dos planos de saúde.

Hildo Rocha defende prioridade de vacinação para a imprensa

7:58:00 PM


O deputado federal maranhense Hildo Rocha (MDB) é autor do Projeto de Lei Nº 711/2021, que inclui os profissionais de imprensa em todo o país que estejam participando diretamente da cobertura da pandemia, no grupo prioritário da vacinação contra a Covid-19. A proposta aguarda despacho do presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira.

Hildo Rocha destacou que o trabalho dos profissionais de imprensa é essencial, mas precisa ser feito com total segurança.

“As atividades e os serviços executados pelo profissional de imprensa são essenciais. Essa regra, veiculada pelo Decreto nº 10.288, de 2020, aplica-se a cada profissional de cada rincão deste nosso país continental. Há, portanto, o reconhecimento estatal da importância desses profissionais no contexto pandêmico. Agora é preciso dar a eles condições de segurança para continuarem o seu nobre ofício de informar”, destaca Hildo Rocha

A pandemia do novo coronavírus já tirou a vida de muitos profissionais de imprensa no Maranhão, dentre eles Roberto Fernandes, Batista Matos, Alfredo Meneses, Juarez Sousa e Rosanira Alves, além de muitos outros que tiveram a doença, mas conseguiram se recuperar.

Nesse sentido, os sindicatos de Jornalistas e Radialistas no estado deveriam unir forças ao projeto de autoria do Hildo Rocha.

Eliziane coordena comissão sobre abertura dos cultos

7:54:00 PM



A senadora maranhense Eliziane Gama (Cidadania) teve papel importante na articulação da liberação dos cultos evangélicos e missas católicas no país.


Mesmo com seu partido, o Cidadania, contrário à liberação deste tipo de evento religioso, Eliziane articulou no governo federal a liberação dos eventos.

Na semana passada, ela liderou grupo de pastores evangélicos na audiência com o ministro do Supremo Tribunal Federal Kássio Nunes Marques, que resultou na decisão que liberou a realização dos eventos religiosos.

“Foi uma decisão importante para a realização de um serviço tão importante neste momento difícil do país”, disse a senadora.

Ao lado do deputado federal Pastor Cezinha, líder da bancada evangélica, Eliziane articulou também a presença do pastor Enos Ferreira, que tratou especificamente das capelanias no Maranhão.

Nunes Marques determinou no fim de semana que os cultos e as missas estão liberadas.

Na decisão, o ministro proibiu estados e municípios de editarem normas restringindo a realização do eventos religiosos.

Santa Inês garante estrutura para evitar aglomeração

7:44:00 PM



Preocupado com o aumento no número de casos de Covid em Santa Inês, o Prefeito, Felipe dos Pneus (Republicanos), elaborou com sua equipe um projeto que começa a ser praticado nesta segunda-feira, 5. Como um dos maiores pontos de aglomeração na cidade estava sendo nas filas da Caixa Econômica Federal, a prefeitura instalou uma estrutura de isolamento no entorno da agência.

Para ter acesso aos serviços do banco, os usuários passam por uma barreira sanitária, em que há esteira de desinfecção para calçados, álcool em gel e medidor de tempera corporal com suporte de equipe composta pela Vigilância Sanitária e Guarda Municipal. A prefeitura disponibilizou tendas e 300 cadeiras para abrigar os usuários. A Caixa ficou de oferecer para os seus usuários banheiros químicos e bebedouros.

“Esta é uma maneira humanizada que pudemos oferecer a essas pessoas que vêm de vários municípios. E, principalmente, de evitarmos aglomeração. Combatendo, portanto, a proliferação da Covid-19 em nosso município. No último mês os casos aumentaram bastante. Mas estamos a todo instante lutando contra essa doença e com fé em Deus vamos vencer” – destaca o Prefeito, Felipe dos Pneus.

Quem conhece Santa Inês sabe das históricas filas de usuários da Caixa Econômica Federal. A agência atende pessoas de toda a região do Vale do Pindaré, o que totaliza uma população de cerca de 600 mil pessoas. Com a pandemia, a procura que já era grande praticamente triplicou, com a disponibilização do auxílio emergencial.

A busca por uma solução para o problema esteve em pauta desde o início da atual gestão. Foram realizadas reuniões com a gerência da Caixa, mas sem chegar a um resultado concreto. Agora, a prefeitura disponibiliza uma mega estrutura para manter a organização e conforto no atendimento aos usuários.

Trânsito – Para que a estrutura dispõe de três tendas de 10x10m e 300 cadeiras, foi necessário interromper temporariamente o trânsito na Avenida Luiz Muniz, no entorno da Caixa. A interdição está prevista no Decreto Nº 13/2021, publicado neste domingo, 4, passando a valer nesta segunda. Para dar escoamento no tráfego de veículos, durante o período de interdição do trânsito no local, está proibido estacionar na Rua do Milho, via que terá fluxo de veículo intenso neste período.

Conforme vídeo divulgado em suas redes sociais, o Prefeito Felipe dos Pneus sinalizou que medida semelhante de isolamento deve ser aplicada na Rua do Comércio. No entanto, ainda não foram divulgados detalhes dessa ação. Mas supõe-se que a Rua será fechada para veículos e serão montadas barreiras sanitárias nos pontos de acesso ao polo comercial de Santa Inês.

Yglésio quer antecipação do 13º dos terceirizados da saúde

7:38:00 PM



Recentemente, o govenador do Estado anunciou por meio de suas redes sociais que faria o pagamento antecipado da primeira parcela do 13º salário aos servidores estaduais ainda neste mês de abril. O chefe do Executivo destacou o cenário delicado da economia, mas sem incluir os terceirizados no rol.

Por não citar os profissionais terceirizados, dando destaque aos da saúde, o deputado estadual Yglésio Moyses (PROS), nesta segunda-feira (05), solicitou ao governo do Estado que esses profissionais também fossem incluídos no pagamento da primeira parcela. Para Yglésio, essa é uma forma de valorizar esses profissionais que vêm atuando há bastante tempo na linha de frente do combate à pandemia.

“Proporcionar isso aos nossos profissionais terceirizados é uma maneira de valorizar todo o esforço que estão tendo na linha de frente para ajudar a salvar vidas, apesar da carga de trabalho que vem crescendo a cada dia com os novos casos”, destacou o deputado.

Segundo o anúncio do governo, os servidores estaduais receberão a primeira parcela no próximo dia 15 e caso a solicitação do deputado seja acatada, os profissionais da saúde que trabalham de forma terceirizada também poderão receber o pagamento.

TV Assembleia destaca trajetória do ex-governador Jackson Lago em documentário

2:41:00 PM

Ezequiel Neves ao lado do Ex - Governador Jackson Lago



A TV Assembleia produziu o documentário “10 anos sem Jackson Lago”, no qual faz um resgate da vida e trajetória política do ex-governador do Maranhão, um dos maiores líderes políticos da história do estado, que faleceu em 4 de abril de 2011. 

O material, veiculado pela TV Alema,  no canal aberto digital 9.2 ou 17 da TVN, também está disponível no YouTube (TV Assembleia Maranhão) e nas redes sociais do Parlamento Estadual (Facebook, Twitter e Instagram). 


O documentário faz um mergulho precioso na história de vida de Jackson Lago, suas vitórias, lutas e dores. Destaca com riqueza de detalhes suas memórias, relata depoimentos emocionantes de quem conviveu com o ex-governador e os fatos mais marcantes que mostram sua simplicidade  e o protagonismo do médico e político, que deixou saudade nos corações dos maranhenses e muitas lições. 

Um dos depoimentos dados no documentário é do presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputado Othelino Neto, secretário estadual de Meio Ambiente à época em que Lago assumiu o Governo do Maranhão. 

Othelino destaca sua coragem como político. “Não tinha medo de tomar determinadas decisões. Acho que foi isso que fez com que ele conseguisse chegar ao Governo do Estado. Ele era a referência da oposição à época, quando o grupo que estava no comando do Maranhão era muito forte. E, aliado ao Zé Reinaldo, ele conseguiu. Cumpriu com o dever político, mesmo cansado e com a saúde debilitada, sua última campanha em 2010”, lembrou.

Assista:


Zé Inácio pede urgência na tramitação da lei que garante conclusão de obras ligando Bequimão a Central do Maranhão

1:04:00 PM



Durante sessão virtual da Assembleia Legislativa, o deputado Zé Inácio (PT) falou sobre o requerimento, de sua autoria, que pede regime de urgência na tramitação do projeto de lei do executivo 147/2021.

O projeto de lei em questão trata de empréstimo na ordem de 180 milhões contratado pelo governo do estado junto ao Banco de Brasília - BRB, para execução de importantes obras de infraestrutura, como estradas e pontes, em várias regiões no estado através do Programa Maranhão Forte.

"Esse é um empréstimo importantíssimo, pois vai atender obras de infraestrutura com grande relevância para o Maranhão, como a estrada da MA-211, que liga o município de Bequimão a Central do Maranhão, por meio da ponte que está sendo construída sobre o Rio Pericumã, sendo essa uma das obras mais importantes do Governo Flávio Dino", justificou o parlamentar.
O deputado disse ainda que essa obra além de melhorar o acesso entre os municípios, interligará toda a região da Baixada, sobretudo o litoral ocidental maranhense.
Além da construção da MA-211, o empréstimo também será usado na execução de outras importantes obras, como: construção da ponte sobre o Rio Preguiças(em Barreirinhas, garantindo um melhor acesso aos Lençóis Maranhenses); na recuperação da MA-247, que liga São Luís Gonzaga a Trizidela do Vale; na recuperação da MA-006, que liga Grajaú a Formosa da Serra Negra. "Portanto, a urgência na tramitação do empréstimo se justifica não só pela relevância das obras de infraestrutura que vão melhorar a vida das pessoas que vivem nas cidades e regiões do nosso estado, como por ser um investimento público que vai ajudar a dinamizar a economia e gerar empregos neste difícil momento de pandemia", disse.

Maranhão registra recorde de 45 mortos pela Covid em 24h

10:30:00 PM



O Maranhão registrou novo recorde no registro de mortes pela Covid-19 nas últimas 24 horas.Neste domingo (4) foram registrados 45 óbitos. 244.754 casos de Covid-19. Na Grande Ilha (São Luís, São José de Ribamar, Paço do Lumiar e Raposa) foram registrados 90 novos casos, em Imperatriz 6 casos e nos demais cidades foram 95 casos.

Durante a semana passada, o Maranhão já havia registrado o número de 42 mortos em um dia.

De acordo com o Boletim Epidemiológico da Secretaria de Saúde (SES), o Maranhão chegou a 6,236 óbitos e 244.754 casos do novo coronavírus.

O Maranhão possui 16.101 casos ativos. 14.528 pessoas estão em isolamento domiciliar, 966 seguem internadas em enfermarias e 607 em leitos de UTI.