Postado em: 11 de março de 2021 | Por: Ezequiel Neves

“Espero que haja unidade do grupo”, diz Flávio sobre quem será seu sucessor

 Em entrevista ao quadro “Bastidores” do jornal Bom Dia Mirante (TV Mirante), na manhã desta quinta-feira (11), o governador do Estado Flávio Dino (PCdoB) foi questionado sobre seu posicionamento quanto à corrida eleitoral em 2022.



Dino disse que, de sua parte, ainda tem planos de se desvincular do cargo de governador, em abril do próximo ano, para concorrer à uma cadeira no Senado Federal, e que a agenda eleitoral só começará no próximo ano.

Em tom apaziguador sobre qual seria o seu indicado para concorrer ao cargo de governador, se o vice Carlos Brandão ( Republicanos) ou o senador Weverton Rocha (PDT), Dino declarou que espera que seu grupo siga unido na disputa eleitoral.

“Os dois são bons aliados do nosso campo político, têm méritos, têm serviços prestados ao nosso Estado, e creio que esta é uma prova de vitalidade do nosso grupo, do nosso campo político de ter esses dois e outros nomes. Há outras possibilidades, há outras pessoas que postulam, às vezes com menor ênfase, mas que também se colocam”, declarou.

Flávio confirmou ainda que tem conversado a respeito com os dois e demais figuras partidárias e que tudo será tratado a partir de julho. Ele disse que espera até dezembro ter as chapas anunciadas. “Seja para governador, vice, ou senado (…) Espero que haja uma unidade do grupo”, declarou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO!
Todos os comentários abaixo são de inteira RESPONSABILIDADE EXCLUSIVA de seus Autores(LEITORES/VISITANTES). E não representam à opinião do Autor deste Blog.