Postado em: 29 de maio de 2021 | Por: Ezequiel Neves

Governadores entram com ação contra ida a CPI da Covid-19


Dezessete governadores do país, dentre eles o governador do Maranhão Flávio Dino entraram no STF com uma ação para evitar a convocação de gestores estaduais para prestar depoimento na CPI da Covid-19, no Congresso Nacional. Eles até admitem ir à CPI, mas querem ser convidados e não convocados.

Nesta semana, a CPI aprovou a convocação de nove governadores e um ex-governador.

A ação no STF é assinada pelos governadores convocados pela CPI: Wilson Lima (Amazonas), Ibaneis Rocha (Distrito Federal), Waldez Góes, (Amapá), Helder Barbalho (Pará), Marcos Rocha (Rondônia), Carlos Moisés (Santa Catarina), Mauro Carlesse (Tocantins)e Wellington Dias (Piauí).

Também assinaram a ação os governadores Rui Costa (Bahia), Ronaldo Caiado (Goiás), João Doria (São Paulo), Renato Casagrande (Espírito Santo), Paulo Câmara (Pernambuco), Cláudio Castro (Rio de Janeiro), Eduardo Leite (Rio Grande do Sul), Belivaldo Chagas (Sergipe), Renan Filho (Alagoas) e Flávio Dino (Maranhão).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO!
Todos os comentários abaixo são de inteira RESPONSABILIDADE EXCLUSIVA de seus Autores(LEITORES/VISITANTES). E não representam à opinião do Autor deste Blog.