Vice-presidente da Fiema morre após agravamento de quadro da Covid-19

5:37:00 PM

 

Faleceu na manhã desta quarta-feira (10) o vice presidente da Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (Fiema), Cirilo José Campelo Arruda, de 68 anos. Ele estava internado no Hospital Carlos Macieira, em São Luís, acometido de Covid-19.

Cirilo Arruda foi diagnosticado com a doença há 10 dias e precisou ser internado no Hospital São Domingos, sendo transferido depois para a unidade pública, onde veio a falecer.

O presidente da Fiema, Edilson Baldez das Neves, lamentou a morte do companheiro de entidade. Em nota, ele falou do legado e companheirismo deixados por Cirilo Arruda.

Leia o conteúdo na íntegra:

NOTA DE PESAR

É com profunda tristeza que a Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (FIEMA), comunica o falecimento, ocorrido hoje, 10 de março, em São Luís-MA, do industrial Cirilo José Campêlo Arruda, vice-presidente desta Instituição, membro do Conselho Temático de Meio Ambiente e Sustentabilidade da Confederação Nacional da Indústria (CNI), vice-presidente do Conselho Temático de Meio Ambiente da FIEMA e vice-presidente do Sindicato das Indústrias de Óleos, Sabão, Velas e Produtos Químicos e Farmacêuticos de Caxias, Codó, Pedreiras, Bacabal e Lago da Pedra (Sindicocal).

Líder empresarial da Região do Mearim, Cirilo Arruda deixa enorme legado de companheirismo, de empreendedorismo, de preocupação com a sustentabilidade do meio ambiente e de relevantes serviços prestados ao Maranhão.

Neste instante de grande dor, a diretoria e todos os que compõem o Sistema FIEMA, enviam à família enlutada sentimentos de pesar e suas orações, rogando a Deus que a conforme neste momento difícil.

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM

0 comentários

ATENÇÃO!
Todos os comentários abaixo são de inteira RESPONSABILIDADE EXCLUSIVA de seus Autores(LEITORES/VISITANTES). E não representam à opinião do Autor deste Blog.