Profissionais da comunicação lamentam morte da jornalista Názile Duailibe

10:39:00 PM

 

Profissionais da comunicação lamentaram a morte da jornalista Názile Duailibe, de 51 anos, na noite desse domingo (21), aos 51 anos, em São Luís. Ela estava em tratamento contra um câncer no cérebro desde o ano passado.

Názile Duailibe trabalhou como repórter na TV Mirante nos anos 90. Amigos e companheiros de trabalho gravaram depoimentos em homenagem a jornalista.

“Názile sonhou os menos sonhos que eu sonhei, que nós sonhamos, começamos praticamente juntos aqui na TV Mirante. Convivemos com uma menina alegre, feliz, que vai deixar para a gente aquele olhar de alguém que sonha muito, de alguém que procura fazer tudo aquilo que deixava a gente feliz, ela compartilhava alegria conosco”, disse o repórter Sidney Pereira, da TV Mirante.

Para Eveline Cunha, chefe de redação da TV Mirante, Názile teve grande contribuição para o jornalismo maranhense.

“Ela era uma excelente pessoa, além de amiga era uma excelente profissional, o nosso arquivo tem várias matérias dela. Ela teve grande contribuição para o jornalismo, então hoje o jornalismo está muito triste, ela vai fazer uma falta muito grande para a gente.” disse.

Os colegas de trabalho da jornalista também destacaram a alegria que era conviver com a profissional, que segundo o repórter Elbio Carvalho, tinha um relacionamento 'fantástico' com os colegas de trabalho.

“Názile era uma figura ativa que animava o ambiente, conquistava os entrevistados, contava bem as histórias e que eu tive o prazer de conviver e ter amizade. Ela vai fazer muita falta, muita falta mesmo”, lamentou a editora de texto, Simone Gratz.

No Facebook, a jornalista Mirlene Bezerra escreveu: “Ah, Naná... por que foste tão cedo? Faz tempo que não nos falávamos e sequer soube que estavas enfrentando tamanha provação. Talvez por isto mesmo tenha ficado tão desolada com a notícia de que hoje nos deixaste órfãos da tua alegria, da tua graciosidade, da tua generosidade, do teu carinho, do teu profissionalismo... enfim, dessa tua personalidade tão forte e tão doce. Agora só o que nos resta é te guardar nas nossas gavetas de lembranças e saudade. E rezar para que teu espírito esteja bem amparado e, que a tua família, sobretudo, tua filhota Yole, tenha forças para suportar a tua ausência”.

A jornalista Jacqueline Helluy também deixou mensagem no Facebook: “Ela era dona da risada mais contagiante que eu conhecia. E quanta alegria transmitia. Os momentos ao lado de Názile Duailibe  eram de pura leveza. Dávamos tantas gargalhadas com as histórias que ela contava que a barriga chegava a doer.  Essa foi uma das nossas últimas fotos com outras jornalistas queridas que integravam a equipe de Comunicação da Assembleia Legislativa. Uma época em que o nosso caranguejo nos finais de tarde de sexta era sagrado e a alegria contagiante de Názile também. Descansa em paz, minha querida. A nossa saudade será eterna”

Názile Duailibe deixa uma filha.

Veja as manifestações de profissionais da comunicação.













Com informações do G1 MA

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM

0 comentários

Olá Seja Bem Vindo (a)
Agradecemos pela sua Visita.
Obs: Comentários ofensivos e outros tipos de comentários serão retirados do ar.