“Ciganas” continuam assediando na Deodoro com máscaras no queixo

11:48:00 AM

 

 Há poucos dias, quando denunciei o assédio de algumas mulheres que se intitulam “ciganas” bastante rodadas em estados e cidades, que chegam ao extremo de agarrar as pessoas com o intuito de ler as mãos delas, quer sejam mulheres ou homens em plena praça Deodoro, não tinha a mínima ideia do considerável número de pessoas que relatam terem sido furtadas por elas e até casos de ameaças. A maioria tem receio de fazer a denuncia as autoridades policiais e outras entendem que perder 50 ou 100 reais não vale a pena registrar um boletim de ocorrência numa delegacia, que acabará ficando sem qualquer providência.

Antes não usavam máscaras e hoje apareceram com elas no queixo, mas a audácia  agressiva continua. De vez em quando elas são advertidas por namorados e maridos de algumas mulheres pela maneira agressiva de abordagens e não será surpresa, caso venham a se registrar casos de violência, como já teria ocorrido no bairro do Maiobão, segundo informação me repassada por uma jovem, em que seu pai lhe socorreu após ter sido roubada.

No momento em que estamos vendo o avanço da pandemia da covid-19, as autoridades fazendo apelos para as pessoas se protegerem, as chamadas “ciganas” sem qualquer proteção podem ser portadoras ou receberem o vírus. O mais sério de tudo é a importunação ao direito de ir e vir das pessoas.


Fonte: https://aldirdantas.com/

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM

0 comentários

Olá Seja Bem Vindo (a)
Agradecemos pela sua Visita.
Obs: Comentários ofensivos e outros tipos de comentários serão retirados do ar.