Prefeitura vacina pessoas acima de 45 anos com comorbidades

8:28:00 PM

 



O prefeito de São Luís, Eduardo Braide, anunciou, para este domingo (9), a vacinação contra a Covid-19 para pessoas com comorbidades a partir de 45 anos, além de gestantes e puérperas com comorbidades, pessoas com Síndrome de Down e doentes renais crônicos (dialíticos) a partir de 18 anos. A vacinação será realizada no Centro Municipal de Vacinação do Multicenter Sebrae, no Cohafuma, entre 8h e 16h.

“Vamos abrir neste domingo, em horário especial, para avançar na vacinação das pessoas com comorbidades que estão esperando ansiosamente por essa dose de esperança”, destacou o prefeito Eduardo Braide.

Uma das vacinadas neste sábado (8), e que fez questão de parabenizar o prefeito de São Luís pela organização da campanha de imunização contra a Covid, foi a contadora Euda Araújo, de 52 anos. “O prefeito está de parabéns pela organização deste momento importante para o país. A vacinação é um alívio, uma esperança para que a gente possa voltar à vida normal, e espero que todo mundo que estiver sendo chamado venha se vacinar, e que logo a vacinação também seja estendida a todos os brasileiros, sem distinção”, afirmou.

A vacinação de pessoas a partir de 18 anos com Síndrome de Down, bem como gestantes e puérperas e demais pessoas com comorbidades segue as diretrizes do Ministério da Saúde no Plano Nacional de Imunização, que estabeleceu este público como um dos prioritários na imunização contra o novo coronavírus. Para o grupo, o Município está aplicando o imunizante da Pfizer e o intervalo entre as duas doses deve ser feito com 12 semanas, segundo recomendação do Ministério da Saúde.

Cadastro – Para garantir a vacinação, pessoas com Síndrome de Down e pessoas com comorbidades (doenças preexistentes que podem agravar o quadro de saúde em caso de infecção pela Covid-19), bem como gestantes e puérperas também com comorbidades devem se cadastrar na plataforma #VacinaComorbidades (https://www.saoluis.ma.gov.br/vacinacomorbidades).Poderão ser vacinadas pessoas desse grupo que têm de 18 a 59 anos que atendem a orientação do Plano Nacional de Imunização. É necessário apresentar, no momento da vacinação, o relatório médico ou laudo que comprove a comorbidade. Além disso, a pessoa que vai receber a vacina precisa levar para o local da imunização uma folha de triagem já preenchida, para agilizar o atendimento. Essa ficha também está disponível na plataforma #VacinaComorbidades

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM

0 comentários

ATENÇÃO!
Todos os comentários abaixo são de inteira RESPONSABILIDADE EXCLUSIVA de seus Autores(LEITORES/VISITANTES). E não representam à opinião do Autor deste Blog.