Márcio Honaiser reforça importância do programa Vale Gás

7:29:00 PM

 



A Petrobrás anunciou na última sexta-feira (11) novo aumento no gás de cozinha, que passou a vigorar nesta segunda-feira (14). O preço médio de GLP sofreu reajuste de 5,9% nas distribuidoras, passando para R$ 3,40 por quilograma (kg), o que representa aumento médio de R$ 0,19 por kg. Aqui em São Luís, em muitas localidades, o gás chega a quase R$100 reais. Este é o quinto reajuste no valor do gás de cozinha em 2021, um item básico, na casa de todo brasileiro, mas que em muitos lugares está sendo substituído pelo fogareiro. Numa situação desta, programa de Vale Gás, implantados pelos governos do Ceará e Maranhão, tem feito a diferença, principalmente, para a população mais vulnerável.

O novo aumento do gás de cozinha provocou reações nas redes sociais. O secretário de Desenvolvimento Social (Sedes), deputado Márcio Honaiser, se manifestou sobre o aumento.  “ Absurdo: mais um aumento no gás de cozinha, 0 14º nos últimos anos, No Maranhão, por determinação do governador Flávio Dino, estamos entregando vale gás a mais de 115 mil famílias neste momento difícil”, disse.  A Sedes é a gestora do programa Vale Gás, que foi anunciado em Abril como ação do Governo em enfrentamento à pandemia. A entrega da primeira etapa teve início no dia 19 de Maio.

O governador Flavio Dino também usou as redes sociais e disse ser “Um absurdo que haja novo aumento federal no gás de cozinha. Essa política federal tem que mudar urgentemente. Estamos falando de um produto essencial para a sobrevivência das famílias”.

A população, de forma geral, também se manifestou contra mais este aumento, que chega apertando ainda mais o orçamento da casa. A situação gerou muitos memes no dia seguinte ao anuncio, dia 12, Dia dos Namorados, com imagens de pessoas utilizando a imagem de gás de cozinha como presente de luxo.  

Vale Gás – O Vale Gás é um Programa Social criado pelo Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Social (Sedes), para minimizar os reflexos da pandemia da Covid-19 no âmbito social e fortalecer a Política Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional. Pelo programa o beneficiário do CadÚnico terá direito a até 3 vales para fazer recarga de botijão de 13 kilos. 

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM

0 comentários

ATENÇÃO!
Todos os comentários abaixo são de inteira RESPONSABILIDADE EXCLUSIVA de seus Autores(LEITORES/VISITANTES). E não representam à opinião do Autor deste Blog.