Neto diz que ajuste da situação fiscal será prioridade

outubro 03, 2020



Plano Diretor e melhorias em habitação foram destaques entre os assuntos debatidos pelo candidato a prefeito de São Luís, Neto Evangelista (DEM), durante entrevista à rádio Mirante FM nesta sexta-feira (2). Neto é o candidato que mais cresce nas pesquisas das eleições municipais e possui o maior tempo de propaganda eleitoral gratuita.

Neto Evangelista informou que apesar de ter um plano de governo com diversas ações de melhorias para a cidade, sua prioridade será ajustar a situação fiscal do município.

“Todas as nossas propostas só poderão ser executadas depois que arrumarmos a casa. Temos um dos piores indicadores de gestão fiscal do Brasil, o que significa que gastamos mais do que arrecadamos, perdendo apenas para o Rio de Janeiro. Avaliaremos de forma criteriosa todos os custeios do município para que tenhamos recursos para executar o nosso planejamento de melhoria da cidade”, disse.

Sobre moradias, Neto esclareceu que fará atualização do Plano Diretor de São Luís para que seja possível a execução de políticas públicas de habitação.

“São Luís cresceu sem planejamento e tem um Plano Diretor criado em 1992 que não é atualizado desde 2006. Por essa razão, possui um déficit habitacional que impediu diversos programas de moradia como o Minha Casa, Minha Vida, de serem executados. Na nossa gestão, vamos solucionar este e outros problemas como a regularização fundiária, para proporcionar uma moradia melhor para os ludovicenses em situação de vulnerabilidade”, enfatizou o candidato.

Neto Evangelista explicou ainda que melhorias habitacionais fazem parte de seu plano de governo através da réplica do projeto exitoso “Morar Bem”, executado em Salvador, capital da Bahia. O candidato conheceu o projeto durante visita na cidade, acompanhado do presidente nacional do Democratas, o prefeito Antônio Carlos Magalhães Neto.

“Inspirado no “Morar Bem”, projeto que conheci em Salvador, incluí no meu plano de governo a reforma das casas de pessoas inscritas no Cadastro Único (CadÚnico). Proporcionalmente, São Luís tem uma renda per capita maior que a de Salvador, e por isso, acredito ser possível um avanço significativo enquanto capital”, pontuou Neto.

Neto contou ainda que, enquanto deputado estadual, providenciou que moradores de palafitas da Vila Jumento, localizada no bairro do São Francisco, assumissem suas casas no Residencial José Chagas, facilitando o processo burocrático do registro individual dos imóveis.

Valorização cultural – Sobre a cultura, o candidato afirmou que irá regulamentar a Lei Municipal de Incentivo à Cultura e ao Esporte, possibilitando um mecanismo de financiamento permanente para a área.

“Nenhum lugar do Brasil tem a raiz cultural que nós temos. O poder público precisa atuar firmemente como financiador da nossa cultura. Pensando nisso, nossa proposta é montar um calendário anual de atrações e festividades, além de prorrogar os festejos de São João para o mês de julho. São ações que irão valorizar os artistas e grupos locais, além de gerar emprego, renda e movimentar a economia local”, pontuou Evangelista.

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM

0 comments

ATENÇÃO!
Todos os comentários abaixo são de inteira RESPONSABILIDADE EXCLUSIVA de seus Autores(LEITORES/VISITANTES). E não representam à opinião do Autor deste Blog.