Postado em: 30 de novembro de 2019 | Por: Ezequiel Neves

Homem que espancou filha e enteada em vídeo é preso; ele responderá por tortura e estupro de vulnerável


Foi preso pela polícia na tarde de quinta-feira (28) o homem que gravou um vídeo dando tapas no rosto de sua filha, de 11 anos, e da enteada, de 17 anos, em Indaial, bairro Benedito, em Blumenau/SC. A gravação das agressões ocorreu na terça-feira (26).

Em depoimento, as menores revelaram que ele agrediu as duas porque não aceitava a segunda gravidez da enteada. Ele foi preso no bairro Itoupavazinha, e será indiciado pelos crimes de tortura e estupro de vulnerável.
Segundo o delegado Romildo Parmo, que comanda as investigações, há indícios de que o homem teria praticado ato libidinoso com a filha de 13 anos, que filmou as agressões por ordem do pai. Ele foi encaminhado para a unidade prisional de Indaial.

O vídeo em que o homem aparece dando tapas em duas meninas, uma delas com um bebê no colo, teria sido feito para a mãe das três. O casal é divorciado e compartilhava a guarda das menores de idade.

O vídeo teria sido feito para mostrar a indignação do homem com a gravidez da enteada. Encaminhado originalmente para a mãe das meninas, acabou viralizando nas redes sociais e virou caso de polícia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO!
Todos os comentários abaixo são de inteira RESPONSABILIDADE EXCLUSIVA de seus Autores(LEITORES/VISITANTES). E não representam à opinião do Autor deste Blog.